Fale Conosco
:: Sábado, 18 de Agosto de 2018 
A A A





Valid XHTML 1.0 Strict  CSS válido!
Sensoriamento Remoto

Seleção

A seleção dos candidatos ao Mestrado e Doutorado se dará em três fases.

Primeira fase (eliminatória):

Os candidatos serão selecionados por uma Comissão de Seleção composta por 3 membros do corpo docente nomeados pelo Coordenador Acadêmico. Nessa fase os candidatos serão avaliados pela Comissão de Seleção que examinará a documentação apresentada no ato da Inscrição. Em caso de documentação incompleta, o candidato será descartado do processo seletivo.

A avaliação dos candidatos será feita com base em uma Ficha de Avaliação, preenchida de forma independente pelos 3 membros da Comissão de Seleção. Cada membro atribuirá o conceito de Aprovado ou Reprovado para cada um dos candidatos.

Ficha de Avaliação dos Candidatos levará em consideração os seguintes tópicos:

Graduação:
• Escola de Origem
• Tempo para a obtenção do Título
• Média Global
• Grau de Regularidade das Notas
• Tendência de Desempenho Anual

Produtividade:
• Bolsista de Iniciação Científica
• Quantidade de Artigos Publicados
• Em revistas
• Em congressos

Cartas de Recomendação:
• Experiência do Avaliador
• Tempo de Convivência
• Grau de Convergência entre Avaliadores
• Motivação para estudos avançados
• Conhecimentos Fundamentais
• Maturidade e Estabilidade Emocional
• Independência
• Habilidade de expressão escrita
• Capacidade de trabalho em equipe
• Conhecimento de línguas
• Conhecimentos de informática
• Outras atividades Acadêmicas
• Docência
• Estágios Acadêmicos
• Cursos Extracurriculares
• Curso de Especialização

Após a análise independente da documentação de todos os candidatos por cada um dos 3 membros, a Comissão de Seleção se reunirá para tomar uma decisão final. Passarão para a segunda fase os candidatos que tiverem sido aprovados por unanimidade (3 membros do Comitê) ou por maioria (2 membros do Comitê).

Segunda Fase (eliminatória):

Na segunda fase de seleção, a documentação dos candidatos aprovados na primeira fase ficará à disposição do Corpo Docente da PG-SER para análise. Nessa etapa os docentes identificarão os candidatos que possuem formação/perfil/interesse/experiência que eles julgam ser os mais adequados para os projetos e linhas de pesquisas nos quais os docentes atuam. Cada docente poderá indicar até seis candidatos.

Os candidatos selecionados pelo Corpo Docente da PG-SER na segunda fase do processo de seleção deverão comparecer ao INPE em São José dos Campos, ou em um dos Centros Regionais em Belém (CRA), em Natal (CRN) ou em Santa Maria (CRS), para a terceira fase do processo de seleção. Candidatos estrangeiros poderão fazer as provas em uma universidade de seu país.

Terceira fase (eliminatória):

Na terceira fase os candidatos serão avaliados através de provas e entrevista.

1) Prova de redação em português
A atribuição de nota à redação levará em conta os critérios definidos em
http://www.inpe.br/pos_graduacao/cursos/ser/anexo_a.htm

2) Prova de tradução de um texto inglês para o português.
A atribuição de nota levará em conta a capacidade do aluno de realizar uma tradução literal.
Não será permitido o uso de dicionário.

3) Prova de resumo inglês-inglês de um texto.
A atribuição de nota ao resumo levará em conta a capacidade do aluno em compreender e resumir o assunto do texto em 15 linhas. Não será permitido o uso de dicionário.

4) Entrevista com os Membros do Corpo Docente.
Os candidatos serão entrevistados por docentes que os selecionaram. Durante essa entrevista o candidato será avaliado pelo futuro orientador em função dos seguintes aspectos:

4.1) Desenvoltura do candidato na maneira de expressar uma ideia ou um pensamento.

4.2) Conhecimentos básicos em sua área de formação, uso da linguagem, facilidade de exposição oral de suas ideias;

4.3) Aderência do tema proposto pelo candidato à linha de pesquisa do docente.

4.4)Considerações gerais do docente sobre o candidato:
a) perfil de pesquisador;
b) possíveis contribuições com a ciência;
c) mestrado ou doutorado é desejo pessoal ou subterfúgio, etc.
As entrevistas poderão ser realizadas pessoalmente no INPE em São José dos Campos (em data específica*) ou por videoconferência (nesse caso o aluno deverá entrar em contato com o docente para marcar uma data).

Os candidatos que tirarem nota inferior a 7,0 na redação em português, e/ou nota inferior 5,0 na média das provas de inglês (de tradução e resumo) não continuarão no processo de seleção. É importante ressaltar que as notas das provas serão utilizadas somente como eliminatórias, os alunos não serão classificados com base nas notas.

A lista com o nome dos alunos aprovados nas provas será disponibilizada ao corpo docente. E em seguida cada docente selecionará o candidato de seu interesse para ser seu orientado. Os candidatos que passarem nas provas, mas que não foram escolhidos por nenhum docente, ficarão na lista de espera, e caso haja alguma desistência, poderão ser chamados.

* No processo de seleção de 2018 (para ingresso em março de 2019), as provas serão realizadas no dia 03/12 das 8h às 12h, e as entrevistas presenciais serão realizadas em São José dos Campos no período da tarde do dia 3/12 e no dia 4/12. O resultado final será divulgado até dia 31 de dezembro de 2018. Os alunos da lista de espera poderão ser convocados até o dia da matrícula (em fevereiro de 2019, data a ser definida).